>

ENTRAJUDA celebra 20 anos de impacto profundo na luta contra a pobreza em Portugal

30-04-2024

- 20 anos a dar mãos a quem dá a mão
- Filme  documentário
- Filme infográfico

A ENTRAJUDA, organização pioneira na inovação social, assinala este ano o vigésimo aniversário, celebrando duas décadas de dedicação ao fortalecimento do setor social através da gestão e organização. Desde a sua fundação, a ENTRAJUDA tem sido uma peça fundamental na transformação das instituições de solidariedade, com o objetivo de combater a pobreza de forma mais eficiente.

logo-horiz-cor-1.png

 

Em 2023, em parceria com organizações sociais de todo o país, a ENTRAJUDA ajudou cerca de 885 mil pessoas, evidenciando a crescente necessidade de suporte em Portugal, onde a taxa de pobreza continua a ser uma preocupação significativa. Através de três principais áreas de atuação – transmissão de conhecimento, mobilização de voluntariado e recuperação para reutilização de bens – a instituição tem conseguido gerar valor social e ambiental, alinhado com os princípios da Economia Circular.

Para Isabel Jonet, Presidente da ENTRAJUDA, “nos 20 anos de atividade, estamos profundamente gratos pelo impacto que temos conseguido gerar. Mas é também um momento de projetar o futuro, conscientes das necessidades crescentes das comunidades em Portugal.  Temos vindo a ter a oportunidade de transformar vidas, promovendo não só a inclusão social, mas também a dignidade humana."

 

Inovação social: dotar as instituições de solidariedade com mais gestão e organização para combater a pobreza com maior eficácia.

A ENTRAJUDA foi criada há 20 anos e tem vindo a prestar de forma anónima uma ajuda estruturante, disponibilizando ferramentas e recursos qualificados, capazes de potenciar a eficiência dos meios e a eficácia dos resultados, contribuindo para um sector social mais forte, capaz de atender às múltiplas necessidades e solicitações das pessoas que dele dependem, por vezes como única resposta efetiva e afetiva.

A elevada taxa de pobreza em Portugal, o grande número de pessoas que dependem de apoios para ter uma vida digna, representam um desafio para propor ideias inovadoras e novas soluções a quem delas cuida. É isso que a ENTRAJUDA tem feito em três grandes áreas de atividade que se completam:

- a transmissão de conhecimento - através da elaboração de planos de apoio executados com a ajuda de voluntários tutores, ações de formação ou aplicações informáticas específicas para dar resposta a necessidades comuns, replicando soluções que possam ser formatadas;

- a mobilização de voluntários qualificados que querem dar o seu tempo por uma causa, no âmbito da Bolsa do Voluntariado e de Projetos Solidários;

- a recuperação para reutilização de bens não alimentares e equipamentos, entregues pelo Banco de Bens Doados, em colaboração com o Banco de Equipamentos. Em todos os casos é gerado valor social. No último acresce o valor ambiental alinhado com os princípios da Economia Circular.

 

Capacitar o setor social para combater a pobreza.

A ideia que presidiu à criação da ENTRAJUDA em 2004 – capacitar o sector social - permanece válida: melhorar a gestão e a organização das Instituições de Solidariedade Social com uma ajuda estruturante, disponibilizando ferramentas e recursos qualificados, capazes de potenciar a eficiência dos meios e a eficácia dos resultados contribui para tornar o sector social mais forte, capaz de atender às múltiplas necessidades e solicitações das pessoas que dele dependem, por vezes como única resposta efetiva e afetiva.

Mobilizar e facilitar a participação de pessoas de boa vontade e de empresas, partilhando tempo, conhecimento e talentos, assenta num real conhecimento das necessidades das Instituições, mas também das suas capacidades e limites, de forma a evitar desperdícios e defraudar expectativas de quem quer dar, mas também de quem precisa de receber.  Os ritmos são distintos, há um caminho de formação e capacitação que deve ser percorrido e o conhecimento da realidade da intervenção no terreno exige respostas ajustadas e adequadas.

 

É este o maior ativo da ENTRAJUDA: o conhecimento muito próximo das Instituições sociais com carismas e identidades próprias, mas empenhadas na ajuda a quem mais precisa.

Este conhecimento, reunido em base de dados atualizada, permite que várias empresas e entidades confiem à ENTRAJUDA a tarefa de validar as Instituições que lhes endereçam pedidos ou delegando o apoio concedido a Instituições que pedem apoio em bens.

 

Em 2023 foram apoiadas pela ENTRAJUDA 2.106 Instituições sociais que assistem perto de 882.151 pessoas em situação de pobreza.


Novidades a não perder

29
Mar

Dia das Boas Ações em Portugal

A ENTRAJUDA foi, pela terceira vez consecutiva, a promotora do Dia das Boas Ações em Portugal!

Saber +
04
Dez

Webinar Dia do Voluntariado

A Importância do Voluntariado: a visão das Instituições, dos Voluntários e das Empresas

Saber +

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização Está a usar um navegador desatualizado. Por favor, actualize o seu navegador para melhorar a sua experiência de navegação.