>

EVAX E ENTRAJUDA UNEM-SE NA CAMPANHA "PARA QUE NÃO FALTE À ESCOLA"

19-02-2024

imagem2.jpg

A Evax está a promover uma campanha de sensibilização contra a pobreza menstrual em contexto escolar, realidade que afeta 12% de jovens portuguesas que faltam à escola por não terem condições para comprar produtos de higiene menstrual, de acordo com o estudo ‘A Pobreza Menstrual em Portugal’, promovido pela marca. Desenvolvida em parceria com a ENTRAJUDA, que através do seu Banco de Bens Doados irá garantir que cerca de 5000 raparigas tenham acesso a pensos higiénicos todos os meses, ao longo de um ano, a marca pretende não só dar visibilidade a uma realidade desconhecida para muitas pessoas, mas também ter um impacto positivo na vida das raparigas em situação de vulnerabilidade.

O estudo, promovido pela Evax e realizado pela Spirituc – Investigação Aplicada, revela que 23,5% das raparigas entre os 18-24 anos reconheceram que já tiveram de recorrer a produtos como lenços higiénicos, lenços, um segundo par de cuecas, algodão, roupa velha ou meias por não conseguirem comprar produtos menstruais. E 17,2% das raparigas disseram conhecer alguém que já faltou às aulas por não conseguirem adquirir produtos menstruais, enquanto 25,5% indicou que já tiveram amigas que lhes pediram produtos menstruais por não conseguirem comprá-los.

Isabel Jonet, presidente da ENTRAJUDA, destaca a importância desta iniciativa. “Acreditamos que a tomada de consciência para esta realidade é o primeiro passo no combate a um dos impactos da pobreza e que é muitas vezes desconhecido. Esta campanha da Evax, à qual nos associamos, é mais um passo no nosso compromisso de contribuir para um futuro com mais igualdade e oportunidades. Muitas jovens ainda faltam à escola por não terem como aceder a produtos de higiene menstrual, o que as deixa numa situação de fragilidade e constrangimento social e até emocional. Sensibilizar a sociedade em geral para este tema, promove a verdadeira inclusão social”, declara.

“A pobreza menstrual é um problema real que afeta, ainda em 2024, muitas jovens raparigas em Portugal, que por não terem condições para comprar produtos de higiene menstrual acabam por faltar à escola. Com esta campanha queremos, por um lado, alertar para esta realidade, ainda pouco conhecida e falada, e para o tremendo impacto que esta tem no desenvolvimento das jovens, e por outro contribuir para uma sociedade mais igualitária, ao fazer a diferença na vida destas raparigas”, explica Irene Pérez Merino, brand manager da Evax.


Novidades a não perder

15
Dez

Este Natal o Grupo os Mosqueteiros volta a oferecer “Votos Felizes”

Donativo de 120 mil euros apoia 8 projetos de norte a sul do país

Saber +
30
Abr

16 anos da ENTRAJUDA!

Faz hoje 16 anos que a ENTRAJUDA nasceu. Um projeto inovador da área social.

Saber +

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização Está a usar um navegador desatualizado. Por favor, actualize o seu navegador para melhorar a sua experiência de navegação.